terça-feira, 26 de julho de 2011

Uma nova rotina

Tema: Dia do oposto
Por Rafael Freitas

Depois de arrumar a cama: café da manhã com misto quente, café preto, iogurte natural, mamão papaya e um bocado de calma.

Depois, ler um site de notícias, abrir a caixa de emails e assistir tevê até o almoço. Arroz, feijão, bife com batatas fritas e salada de alface com tomate. Suco natural. Salada de frutas. E calma.

Cochilar na sesta. Trabalhar um pouco no computador, adiantar outras coisas pelo celular. Assistir mais tevê ou ter um bom lugar pra ler um livro. Com calma.

Sair pra correr, perder e ganhar na academia, tomar um banho relaxante e vestir um pijama. Assistir e sofrer com quantas novelas puder neste período de calma.

Tomar um lanche, arrumar uma coisa ou outra no quarto, ouvir aquelas músicas que um amigo indicou. Calmo.

Durante todo o dia, ver da janela ou a caminho do supermercado, os amigos mais queridos e trocar um abraço. Todos os amigos, como se fosse possível que morassem na mesma cidade, bem perto. Acalma.

E durante todo o dia, um amor pra acelerar um pouco. Já quis calma o dia todo, pra amar seria pedir demais.

Um dia esse dia chega. Enquanto isso, sonho com ele nos oito minutos do modo soneca do meu celular-despertador.

25 comentários:

  1. Ai, ai.

    Eu faço um post e amor até mais tarde e tenho muito sono de manhã...

    ResponderExcluir
  2. Esse dia chega. E aí você se lembra com saudade da agitação que ficou no passado.

    ResponderExcluir
  3. O ráfa não aceitou meu pedido de casamento (vide comentários do post anterior) e agora tá falando que quer um amor pra acelerar um pouco.

    FORA EXPLÍCITO, A GENTE VÊ POR AQUI.

    ResponderExcluir
  4. Oi, gente. Nossa, quero um dia de almoço na hora certa também, vixe!

    ResponderExcluir
  5. Helô, eu até acredito que não daria conta de uma dia assim tããããoo sossegado. Mas também não precisa ser tão corrido como os atuais!
    Só Jesus na causa!!!

    ResponderExcluir
  6. Uai, Brant. Eu não lembro de ter dito que sim. Mas também não disse que não!

    ResponderExcluir
  7. É o sonho de todo escravo trabalhador. Ficar um dia todo na maior paz e calmaria.

    Mas perai, você não é mineiro Rafa? Pq todo mineiro que conheço é o maior sossego em pessoa! Até pensava em me mudar para MG!!!

    ResponderExcluir
  8. É impressão minha, ou tá realmente tendo uma DR aqui nos comentarios?

    *DR: discutir relacionamento

    ResponderExcluir
  9. Ah, Ráfa, então vai escutar Djavan.

    Você disse que não sabe se não
    Mas também não tem certeza que sim...


    Adeus, cinco letras.

    ResponderExcluir
  10. Karina, MG não é sossego, acredite. Tudo propaganda enganosa.
    Aqui nem tem pão de queijo em cada esquina ou queijo minas frescal toda semana na feirinha.

    ResponderExcluir
  11. Ai, que dó. Quem inventou esse tema?


    Exigência da chefe: próxima lista de tema quero o nome do "sugestionante", que é pra matar, ou suicidar-me.

    ResponderExcluir
  12. chorei de rir com uma ideia que tive aqui... hahahaha
    Deixe eu anotar e já volto.

    ResponderExcluir
  13. Ai, gente, preciso contar. Rindo muito. Daqueles posts que só eu acho graça, sacumé??????
    Um beijo na boca de quem inventou esse tema!!


    Sim, sou volúvel e você que é pobre?
    haUAHAUAHAUAHAUAHAU

    ResponderExcluir
  14. Ai, gente, cansei de rir. Vamos ao post do RAfa.


    Se, se, se, como se o Rafa não gostasse dessa canção. Ou não!

    ResponderExcluir
  15. Não comentei o post, mas é que as sacanagens dos comentários estão melhores.



    Karina, somos calmos - alguns não - pra conversar, mas levamos uma vida de cão, cão corrido... hauahaush

    ResponderExcluir
  16. Rafa, quando eu for rica você não terá mais essa vida que tem, vai ser igualzinho o post, mas com algumas outras realizações mais contundentes. Cê tá parecendo um velho aposentado.


    hauahauahau

    ResponderExcluir
  17. Coloque o modo soneca pra 15 minutos que é pra durar mais esse sonhinho bom .. faz isso.

    ResponderExcluir
  18. Ai gente que dó ..
    O Rafa tá numa correria que só vendo ..

    ResponderExcluir
  19. [brincando de oposto] lendo esse primeiro parágrafo só me vem uma palavra à cabeça: homenzão [/brincando de oposto]

    COMO ESCREVE?

    ResponderExcluir

Sinta-se em casa. Sente-se conosco,tome um guaraná e comente o que você quiser e depois, aguente!!! hihihi