quarta-feira, 27 de julho de 2011

Quem sabe um dia

Tema: Dia do oposto
Por Nina Reis

Manhã de silêncio.
Sem música, sem televisão e sem celular.
Dinheiro na conta. Almoço farto.

Tarde de calmaria.
Sem problemas, sem contas pra pagar e sem visitas.
Dinheiro na conta. Lanche farto.

Noite de descanso.
Sem telefonemas, sem interfone e sem agenda.
Dinheiro na conta. Sexo farto.


19 comentários:

  1. Genteeeeeeeeeee, como assim, sexo farto?

    Quem educou essa pessoa?

    ResponderExcluir
  2. todo mundo quer calma, descanso. Não creio.

    ResponderExcluir
  3. Adorei o resumo do bolso e a vontade de dinheiro farto. Quinem!

    ResponderExcluir
  4. A vantagem de vocês, exceto Marina, é que têm férias convencionais, porque olha, trabalhar por conta própria é um porre nesse sentido.

    Enfim. Sofremos.

    ResponderExcluir
  5. Quem desvirtuou essa menina? SEXO FARTO INFARTA!

    ResponderExcluir
  6. Ok, é mentira. Não infarta coisa nenhuma. Quis só parecer pudica.

    ResponderExcluir
  7. Sexo farto Infarta ???
    chorei de rir

    ResponderExcluir
  8. Uai mãe .. a senhora que me educou

    ResponderExcluir
  9. Como eu esqueci desse lance de dinheiro na conta, né?

    Seria o oposto de qualquer dia meu inté hoje!

    ResponderExcluir
  10. Eu juro que não foi aqui na Corda que ela aprendeu esse negócio de sexo farto!


    (láláláaa)

    ResponderExcluir
  11. mas ou manhã sem música além de oposto é triste

    ResponderExcluir
  12. ai, quando eu escrever meu dia do oposto (um dia) vou falar muito desse trem de visitas

    ResponderExcluir
  13. o que é dinheiro? tb não conheço

    ResponderExcluir

Sinta-se em casa. Sente-se conosco,tome um guaraná e comente o que você quiser e depois, aguente!!! hihihi