terça-feira, 23 de novembro de 2010

A cor do acaso

Tema proposto: Acasos e coincidências
Por Rafael Freitas






Passou a vida inteira acreditando que nada é por acaso. As coisas acontecem na hora certa, do jeito que têm que acontecer. Assumiu a postura de joguete do destino, imaginando quem jogava os dados e onde seria o fim desse tabuleiro. Estranho viver assim, agindo como se suas escolhas, na verdade, já tivessem sido escolhidas por outra pessoa que nem sabia quem.

Até o dia em que resolveu entrar naquele bar da esquina onde nunca entrava e pediu uma bebida. A mesma que aquele belíssimo par de olhos azuis da mesa ao lado. Azuis da cor da sua blusa.

No primeiro gole, teve certeza de que nada na vida é por acaso. Só as coincidências.

15 comentários:

  1. E esperar o comentário da Laura dizendo que ficou muito gay!

    ResponderExcluir
  2. Na verdade, eu queria falar da coincidência que foi quando a Nina veio pra cá e descobri que o marido da prima (?) dela que mora em Pouso Alegre foi meu neurologista.

    Mas deixei isso pra ela contar.

    ResponderExcluir
  3. Sacaram o horário do post? Pegou a minha manha, né possível. Ou seria coincidência: 13h13min

    ResponderExcluir
  4. Mas enfim, parei meu serviço aqui só pra dizer que esse negócio do Filhote não colocar título no post parece aquele sujeito que tá no fuc fuc, olha pra sujeita ou pro sujeito (porque nosso mundo aqui é bem diversificado) e diz: meu bem, espera aí que preciso tirar o totó da chuva, já já volto pra terminar o que começamos.


    TEM DÓ!!!

    hauahhsuahsa

    ResponderExcluir
  5. Mas enfim [2], texto mais cuti cuti... e a camisa azul? aiiiiiiiiii!!!

    Filhote eu respondi ao seu e-mail, viu não?
    beijossssssssss a todos.

    Voltando pra senzala por que né? POBRE!!

    ResponderExcluir
  6. tindi nada.

    sério, eu não se que que é cada coisaahiushiuash

    ResponderExcluir
  7. se bem que ne ficou poetico. .gracinha

    ResponderExcluir
  8. hahahah então eu falarei do nosso encontro com o marido da minha prima? é isso? ..
    ixi ..
    dançou ...
    ahushasuhsuh
    .
    mas tipo assim,
    adorei a imagem ..
    e o texto .. ficou gay né?
    kkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkk

    ResponderExcluir
  9. Pois é, Laura.
    Eu tive uma dificuldade tb de entender o que é cada coisa.

    Insisto: quem sugeriu esse post???

    ResponderExcluir
  10. Tá bom, Nina.
    Não precisa contar do encontro com a sua prima.

    Mas vamos combinar: já viu nessa vida coincidência maior???

    ResponderExcluir
  11. "A cor do acaso" não acredito que ele colocou esse título.


    Gostei!!!

    ResponderExcluir
  12. Ufa!

    Que medo eu tava de a sra não gostar do título, mainha!

    ResponderExcluir

Sinta-se em casa. Sente-se conosco,tome um guaraná e comente o que você quiser e depois, aguente!!! hihihi