terça-feira, 26 de janeiro de 2010

Ficando redondo.

Tema Proposto: uma foto, um conto
Por: Rafael Freitas_


Ela nunca fora sua preocupação. Não havia tempo nem era necessário.
De casa para o trabalho. Do trabalho para a faculdade. Da faculdade para a casa. Cochilo. E começava tudo de novo.

Até que um dia a faculdade chegou ao fim. Seus estudos agora só o ocupavam dois ou três dias da semana.
De casa para o trabalho. Do trabalho para a casa. Na casa, para a cozinha. Da cozinha para o sofá. De volta para a cozinha. E de volta para o sofá.

Arroz. Feijão. Bife. Bata frita. Coca cola. Pão com maionese e batata palha. Miojo. Goiabada com queijo. Salpicão. Bis. Rondelli de quatro queijos ao molho branco. Vinho tinto suave. Pizza de brócolis com catupiry, tomate seco e bacon. Torta de limão. Esfirra aberta. Salada russa. Lasanha de frango. Panqueca. Passatempo. Misto quente. X-Salada Bacon. Macarrão alho e óleo. Frango surpresa. Milk shake de maracujá. Pastéis.

Não agüentando mais tanto desprezo e tanta pressão (?), ela deu um grito:
_ Ei, babaca! Já é hora de reparar em mim, não acha?!

E deixou pra fazer isso no momento em quem que ele, deslumbrado na loja de ternos, chamou a atendente e disse, numa risada sem graça:

_ Gente, a calça não fecha.

Vestiu sua calça jeans (que andava um pouco mais justa ultimamente), calçou o velho par de tênis coloridos, e saiu da loja. Encolhendo a barriga.

20 comentários:

  1. Pois!

    Eu prometo que mais tarde coloco a foto devidamente recortada e editada.

    ResponderExcluir
  2. E o Arrocha tinha que vir aqui hoje. Ele foi testemunha do caso do terno. Foi neste sábado.

    ResponderExcluir
  3. Ah!
    O título também é referência ao que uma vendedora, de outra loja de roupas, me disse.

    =[

    ResponderExcluir
  4. e fome com esse tanto de fooooooood

    ResponderExcluir
  5. Nossa, tem nem um pãozinho de sal aqui pra eu comer com café e o sujeito falando tanta comida. Enchi.

    ResponderExcluir
  6. Não quero te desesperar, porém... na sua idade eu não tinha barriga, depois arrumei umas duas grandonas, mas tinha neném lá dentro (não é seu caso).
    Essa que eu tô com ela agora que deve tá umas 4 ou 5 vezes maior que a sua eu adquirir por volta dos 50 anos... Se você for nesse
    ritmo, sei não... hahahahahaha
    A sua barriga vai chegar primeiro que o olho, o pé - em qualquer lugar.

    ResponderExcluir
  7. O sujeito inda come abacaxi com nutella... Em julho vou fazer um cardápio diferente aqui: tudo na base da salada.

    ResponderExcluir
  8. Tá ficando redondooooo, né? hihihihihihihihihih

    ResponderExcluir
  9. Rafa, fica frio. Homem tanquinho "tá com nada"!

    ResponderExcluir
  10. Rosanita, ótimo o cardápio pra julho. Vou levar receitas de uns molhinhos diferentes.

    ResponderExcluir
  11. E levo maracujás também pra fazer suco e mousse. Delícia!

    ResponderExcluir
  12. Tô adorando os "pranu" da Helô pra julho... Tomara ela não fazer como o Rafa, a Jéss hahaha

    ResponderExcluir
  13. Ai, Rafa, que perdição, tanta comida boa assim num texto só, que fomeeeeeeeeeeeee!!!!

    Uma barriguinha pode até ser charmosa (só para homens, é claro, rs).

    bjs

    ResponderExcluir
  14. Desculpem-me pela ausência.
    Essa semana estou correndo por causa dos cerimoniais, semana que vem tudo volta ao normal.

    ResponderExcluir
  15. Ráfa, adorei o post.
    Lau, o post de segunda também ficou lindo.

    Às 20h quero todo mundo sintonizando na NTV para ver minha colação, hein gente!!

    ResponderExcluir
  16. Eu queria ter colocado a musiquinha da Vanessa da Mata que fala assim: Paçoca, suspiro, cocada, jujuba.

    Vou sugerir pra colocar no post da Narainas.

    ResponderExcluir

Sinta-se em casa. Sente-se conosco,tome um guaraná e comente o que você quiser e depois, aguente!!! hihihi