quinta-feira, 7 de janeiro de 2010

Fetiche e olhe lá...

Tema proposto: qual profissão você jamais exerceria?
Por: Rosana Tibúrcio
Não que eu não seja uma pessoa generosa e forte, de forma alguma: eu sou muito BouUUa, inclusive.
Porém, em se tratando de sangue, machucado, febre, desmaio, vômito e toda fedaputagem que acomete um doente, eu não sou gente (que é pra rimar). Eu jamais seria enfermeira!!!
Agora, me vestir de enfermeira, dar remedinho na boquinha de alguém como fetiche... pagando bem, eu topo.
.
Uma linda quinta-feira pra todos vocês minhas gentes, pois nas quintas há algo diferente no ar e hoje há aquela labirintete textual. Falando nisso, rola um enfermeiro gostosão pra cuidar de mim?

13 comentários:

  1. Música nada a ver, mas eu num sou normalllll


    Telhados de Paris
    Composição: Nei Lisboa

    Venta, ali se vê
    Aonde o arvoredo inventa um ballet
    Enquanto invento aqui pra mim
    Um silêncio sem fim
    Deixando a rima assim
    Sem mágoas, sem nada
    Só uma janela em cruz
    E uma paisagem tão comum
    Telhados de Paris
    Em casas velhas, mudas
    Em blocos que o engano fez aqui
    Mas tem no outono uma luz
    Que acaricia essa dureza cor de giz
    Que mora ao lado, mas parece outro país
    Que me estranha, mas não sabe se é feliz
    E não entende quando eu grito
    Eu tenho os olhos doidos doidos doidos doidos, já vi
    Meus olhos doidos doidos doidos são doidos por ti
    O tempo se foi
    Há tempos que eu já desisti
    Dos planos daquele assalto
    De versos retos, corretos
    E o resto de paixão, reguei
    Vai servir pra nós
    E o doce da loucura é teu, é meu
    Pra usar a sós
    Eu tenho os olhos doidos doidos doidos ja vi
    Meus olhos doidos doidos doidos são doidos por ti
    Eu tenho os olhos doidos doidos doidos ja vi
    Meus olhos doidos doidos doidos são doidos por ti
    venta..
    venta..
    venta..

    ResponderExcluir
  2. ai que engraçada
    ahiushiusahiuashiuashiuash

    ResponderExcluir
  3. ai que engraçada
    ahiushiusahiuashiuashiuash

    ResponderExcluir
  4. mais engraçado é o chrome duplicando meus comentário.

    ResponderExcluir
  5. mas hein...
    também não sirvo para isso.
    sério...
    acho loucura gente que 'mora' em hospital assim..

    ResponderExcluir
  6. Eu queria trabalhar com humanas.
    Mas não como enfermeiro.
    Gostaria de algo mais desafiador.

    Um neurocirurgião ou cirurgião plástico.

    É.

    ResponderExcluir
  7. Gente eu achei cada foto sensual de enfermeira, só não coloquei porque o Guaraná é um blog família...rs

    Simbora trabalhar, hoje comecei tarde demaisssssssssss.

    ResponderExcluir
  8. Depois que a gente vê as opiniões alheias que a gente pensa, né: eu tb não seria enfermeira.
    Nem por fetiche.

    haha

    ResponderExcluir
  9. Adorei... rs principalmente por sempre dizer: Jamais seria enfermeira.
    Também não gosto muito da "fedaputagem" não...
    Por fetiche? Huum também não.

    Beijos...
    daquela que nao escreve email mas aparece no blog!

    ResponderExcluir
  10. Niniche a menina que tem fetiche8 de janeiro de 2010 12:42

    já pensei em fazer enfermagem. Mas ultimamente tenho ficado tão sensivel (q gay).
    mas enfim ...

    tbm não seria enfermeira.
    mas me vestiria sim .. com certeza.

    uuuuhuuullll
    e viva o fetiche

    ResponderExcluir
  11. Meu seu blog é espetacular, show, not°10 desejo muito sucesso em sua caminhada e objetivo no seu Hiper blog e que DEUS ilumine seus caminhos e da sua família
    Um grande abraço
    Ass:Rodrigo

    ResponderExcluir
  12. Oi, Rodrigo.
    O blog é de um grupo de amigos, tá?
    De qualquer forma obrigada em nome da turma

    ResponderExcluir

Sinta-se em casa. Sente-se conosco,tome um guaraná e comente o que você quiser e depois, aguente!!! hihihi