sexta-feira, 2 de novembro de 2012

Com pesar

Tema livre
Por Taffa

Shannon Stapleton / Reuters

Daí que, ultimamente, tenho visto diversas notícias tristes a respeito do tornado Sandy que assolou o nosso continente e destruiu uma infinidade de residências, estradas, cidades e vidas nas demais Américas, milagrosamente excetuando a nossa. Vi também uma série de piadas sendo feitas a respeito da situação e admito publicamente a minha desaprovação sobre isso, pois tal circunstância só pode ser descrita como algo lamentável e eu sinceramente lamento, tanto pelas famílias das pessoas que se foram em consequência de tal catástrofe, quanto pela irregularidade mental dos seres que brincam com um assunto dessa magnitude.

Em panos limpos, o tornado Sandy formou-se no Mar do Caribe – uma área tropical semiaberta do oceano Atlântico, localizada entre a América do Sul e as Antilhas, a leste da América Central – e percorreu um caminho sinuoso passando por Cuba e Haiti – onde deixou cerca de cem mortos e causou o que acredito ser a pior parte da tragédia, pois o Haiti ainda estava se recuperando do trágico terremoto de 2010.

Depois disso, o tornado passeou pela costa norte-americana e acabou tocando o continente na última segunda-feira, ao mesmo tempo em que atingiu seu pico em velocidade eólica e diâmetro, assolando os estados de Nova Jérsei, Pensilvânia e Nova Iorque, nos EUA, e Quebec, no Canadá. Em suma, quase duzentas mortes já foram causadas pelo tornado e estima-se que esse número pode aumentar – já que os ventos continuam ferozes e percorrendo o solo canadense – portanto, qualquer reviravolta atmosférica pode mudar o caminho do furacão e novas localidades podem entrar em risco.

Por fim, para as vítimas desabrigadas e familiares dos mortos, meus sinceros pesares e condolências e, sobre a tempestade, bem, vamos torcer para que em breve ela se dissipe e permita que tudo possa voltar ao normal.

12 comentários:

  1. Aposto que teve uma boa pesquisa no Google, pricipalmente, quanto a geografia. Afinal, meu querido Taffarel tem uma certa dificuldade de localização geográfica.

    ResponderExcluir
  2. Quantos as piadas, concordo com ressalvas...pois, já basta essa desgraça, rir talvez ajude...

    Eu adorei a piadinha da Wanessa - ex Camargo - ligando pro pai dela e encomendando um furacão Wanessa. Não me recriminem, sou brega, eu sei!

    ResponderExcluir
  3. Não gosto de nenhuma brincadeira que envolve desgraça alheia. Mas ó... também não me contive e ri horrores da foto de Wanessa querendo um furacão com o nome dela.

    Desculpaêê Taffa querido, pela imperfeição!!!

    ResponderExcluir
  4. Muito triste isso que aconteceu ..
    ... conheço algumas pessoas que mora lá e confesso que fiquei com o coração na mão ..

    ResponderExcluir
  5. Gente, a pior pra mim foi a Nana Gouveia!
    REdícula!!!

    ResponderExcluir
  6. E confesso: tb ri da já citada piadinha da Wanessa. rs

    ResponderExcluir
  7. [esse eu fiz que nem minha mãe. já tinha lido, mas não comentei..]

    ResponderExcluir

Sinta-se em casa. Sente-se conosco,tome um guaraná e comente o que você quiser e depois, aguente!!! hihihi