segunda-feira, 18 de junho de 2012

Ok? Ok.


Tema: Se eu pudesse criar um meme.
Por Laura Reis

Se eu pudesse criar um meme ele teria uma causa, o que já diferenciá-lo-ia dos demais. E a causa dele seria basicamente aquela coisa já batida (mas que ninguém usa verdadeiramente – apenas falam e falam) de ligar o foda-se. Mas, claro que não explicaria assim, né? Nem diria que seria um não ligar pro que é que vão falar, de se fazer de egípcia, de sair à francesa, nada disso. Seria sutilmente explicado como sendo o Movimento virtual ok.
E como faço parte desse movimento, Laura?
Bom, é muito simples: primeiro você recebe as informações, pela internet, mesmo, redes sociais e essas coisas, daí quando você vê determinada coisa que te interessa você age normalmente, curtindo, retuitando, respondendo com uma expressão positiva de sua preferência e tal.
Quando você vê determinada coisa que não te interessa você simplesmente diz ok. Pode até falar em voz alta, mas o mais legal desse movimento é treinar a reação interna mesmo, tipo “eu penso em falar aff, mas aí eu penso ok e passo”. Se, por exemplo, numa avaliação em uns cinco segundos você chegar à conclusão que aquilo ali é inadmissível e que a fonte jamais publica algo que te provoca uma reação diferente aí tudo bem, você para de seguir, bloqueia, essas coisas; mas, se por outro lado, ela tem outros pontos interessantes então não há muito o que fazer a não ser deixar realmente passar, entende? E não ler novamente, também ajuda a deixar passar. Não é tão difícil, é simples.
Noutro âmbito, quando você vê uma coisa pela qual você sente nojinho, repudia, essas coisas, aí você não precisa nem pensar deve, de uma vez por todas, ir lá e tirar satisfação; não gente, não é bem assim! Se você não acredita, odeia algo que alguma pessoa acaba de colocar ali, mas que jamais vai interferir na sua vida, o máximo que você deve fazer é xingar em voz alta putaquepariu, mas lá, pra pessoa é muito mais simples ainda: ignorar. Como? Ativa o ok interno e passa. Gente: não é difícil, sério mesmo. Discutir, discordar, criar polêmica (sem bons argumentos, pontos de vista bem colocados e que apenas acrescentam em algo) só serve pra uma coisa: encher o saco. De todos os lados, sabe?
E um bônus: o ok serve também praquele momento que você sente que deve retirar a pessoa da sua vida pessoal-virtual. Você vai lá, tira e ok. Não tem dessa de ficar avisando publicamente que “é um alivio esvaziar a quantidade de amigos”, “tiro um peso das costas quando limpo os meus contatos”, porque pensa comigo: se eram contatos seus foi você que os aceitou ali, então quando você afirma essas coisas ali, não esta fazendo nada além de admitir que você mesmo já foi um babaca, entente? Então exclui, respira fundo, ok, pronto, acabou.
E resumidamente: eu posso até ter me perdido nessa coisa aqui, você acompanhou né? Mas não me enche o saco não. Não precisa nem ler até o final, respira ok e fim, sabe?
Ok. 


Ps.: imagina: todo mundo de boas só ignorando as coisas irritantes? O mundo virtual seria mais limpo, gente. E não venha dizer que seria mais chato, chato é você.

25 comentários:

  1. O comentário mais criativo da semana, vamos combinar!

    ResponderExcluir
  2. E a preguiça que eu tenho do povo que perde a noção nos comentários do facebook?

    Acho tão orkut, tão ultrapassado, não é mesmo minha gente???

    ResponderExcluir
  3. Olha, não é pra causar intriga, mas os memes, normalmente, sempre têm causa.

    Então isso não ia diferenciar o seu dos demais, apenas fazê-lo um.... memê.

    ResponderExcluir
  4. ainda acho a minha filosofia melhor.

    o facebook é um saco? as pessoas são chatas? os posts incomodam? você passa tempo demais lá?

    Não tenha um facebook, simples assim.

    ResponderExcluir
  5. interpretação de memes, a gente vê por aqui.

    ResponderExcluir
  6. Eu adoro o facebook, ok?

    E rio do povo que avisa que vai excluir contatos.

    Quer dizê: a gente vê isso no twitter também.
    Babaca, é babaca em qualquer rede social, por isso não conjugo com a ideia do Taffa, ok?

    heheh
    Vou trabalhar.

    ResponderExcluir
  7. Agora: post cAnfuso que me deixou cAnfusa

    ResponderExcluir
  8. ai gente ces são ótimos.
    só que não.

    ResponderExcluir
  9. [mãe, tinha toda uma linha de raciocínio, interrompida bruscamente. aí depois eu não sabia mais qual era e não tinha mais tempo aí tipo ficou assim hahaha.. sdds redação em provas]

    ResponderExcluir
  10. mas taffa normalmente (na minha concepção) os memes são sem querer, então sem razão de ser.
    virais que viram memes, não sei se sei explicar melhor. haha

    ResponderExcluir
  11. entendi, lau.
    verdade, eu havia esquecido dos memes virais e você tem razão: eles acontecem sem querer. Tipo a xuxa falando "senta lá", os bons drinqui da marilac e a luiza no canadá.

    É que existem também os memes propositais, tipo a trollface, o nyan cat, o cereal guy, a coruja ORLY e o memeDepressão.

    ResponderExcluir
  12. ah, tem espaço pro meme de todo mundo

    ResponderExcluir
  13. Gostei! Aplico esse 'ok.' sempre que possível. Agir com indiferença é o melhor que tá tendo ultimamente...

    ResponderExcluir
  14. Eu disse que você me ganhou já na mesóclise. Mas ainda bem que você sempre vai além. E construiu, para variar, mais um texto daqueles que me deixam com um sorriso besta de canto de boca e, por que não, com um baita orgulho.

    E eu amo você.

    ResponderExcluir
  15. Mas, adivinha, não vai ficar só na rasgação.

    Vamos ao texto.

    A ideia é válida. Muito boa mesmo. Resumida e direta. E de tão simples, tão espetacular.

    Já os argumentos, não me convencem.

    Mas é porque eu sou chato mesmo. Eu não consigo ficar calado diante a mediocridade e nem consigo não me indignar com a estupidez. É um defeito, grave, e me diriam em um grupo de apoio que reconhecer é o primeiro passo, caso eu frequentasse um.

    Tenho procurado trabalhar isso e o uso do "ok" (muitas vezes interno) tem servido para isso. Pode virar um meme ou até mesmo uma piada interna: disse "ok" porque achei uma babaquice tudo isso que você escreveu mas estou cansado demais para discutir. Seria um bom tratamento para eu começar a usar.

    Ficar calado ainda é uma luta árdua para mim. Penso que se guardar tudo dentro de mim aquilo vira um câncer que vai me consumindo até eu me explodir em indignação.

    Mas você mesma mostrou a melhor saída aí: Fechar a janela antes de terminar a leitura, excluir, não seguir, não comentar e dizer, internamente, ou gritando: OK.

    ResponderExcluir
  16. vei, que cara chato.
    tá vendo, gente?
    por isso não uso aliança.
    ahsahiasuhisauhisuahisauhisuahsau

    [♥]

    ResponderExcluir
  17. Voltei aqui pra ver se eu entendia o que é meme.

    Entendi porra nenhuma.

    Vi declarações de amor e tal...

    ResponderExcluir
  18. Pessoas que comentam em posts de namorada e provocam 'bule' nos demais

    ResponderExcluir
  19. Quedizê, tem um tal alemão nas sextas também.

    ResponderExcluir
  20. Não gosto de 24 - o numeral - aí completarei 25 comentários.

    quedizê...

    Oppss.

    ResponderExcluir

Sinta-se em casa. Sente-se conosco,tome um guaraná e comente o que você quiser e depois, aguente!!! hihihi