quinta-feira, 12 de março de 2009

É preciso dom e sapiência

Por Rosana Tibúrcio
.
De todas as possíveis profissões que eu poderia ser na vida a de secretária de médico nunca me atraiu. Quer coisa mais imbecil que anotar telefone, nome da paciente, dizer que horas tal paciente poderá vir e desmarcar consulta? Foi o que sempre pensei. Sempre imaginei que não seria preciso mais nada que saber ler, conversar e ouvir. Quanta pretensão!!!
Isso meio que se desfez nesta semana agora. Às voltas com doenças, exames, consultas, esperas, informações e sorrisos eu percebi que é uma ciência ser secretária de médico. E só percebi quando me deparei com uma que era um bicho de feia e muito da mal educada.
Enquanto na vida eu sempre fui bem atendida por todas elas - pelo menos não me recordo de algo muito chato - nem me tocava que pra essa profissão é também preciso ciência.
Como assim, em plena segunda-feira, às 9 horas da manhã uma moça trata doentes de um jeito tão ríspido?
Me doeu o coração ao ver o “Sr. Divino”, parado olhando pra ela e terminando uma fala e ela, de cabeça baixa, buscando um papel que não encontrava, sem nem dirigir a palavra a ele.
E quando me informou que não havia jeito de eu fazer o exame pelo meu convênio sem o pedido do meu médico que não era dele? Toda sapiente, e eu dizendo: "pode ter certeza que sim, busque uma informação mais precisa aí que você verá que está equivocada." Ela insistiu e eu mais ainda. Porque se é pra ser brava e chata... xacumigo!
Quando percebeu o erro nem foi capaz de pedir desculpas. E depois, inda me disse, assim, "docemente": "se quiser esperar, espera, mas vai demorar."
E eu esperava, observando a “delicadeza” dela com todos. Debaixo da mesa dela havia uma vassoura. Eu vi. Quase falei pra ela subir na dita e sair voando... mas me contive.
Até que... ao voltar lá pra pedir uma outra informação, a filha da mãe continuou procurando algum papel e não me olhou. Ahhh, minhas gentes, me subiu um “ímpio” e eu disse bem firme e quase com a voz alta: “quer fazer o favor de olhar para mim porque eu estou conversando com você?”.
A bichinha ficou mansa... pelo menos comigo.
E naquele dia eu vi que pessoas impacientes como ela e eu jamais poderiam trabalhar num lugar como aquele, e que é preciso sim, ter dom acima de tudo pra atender a quem não passa por um período bom de saúde e que precisa, não só cuidados médicos, mas de atenção, como o Sr. Divino que saiu cabisbaixo e triste porque não percebido pela Secretária incompetente.
Claro que eu contei pra o meu médico (é, continuo não prestando... rs), que conhece o chefe dela, o nome da danada... e ele não gostou. Também, ele tem na sua clínica dois doces de meninas e essas, sim, têm dom pra tão bonita profissão.
.
Uma linda quinta-feira pra todos vocês, pois nas quintas há algo diferene no ar e hoje há o meu reconhecimento de que pra ser secretária de médico é preciso sim, ter dom e sapiciência.

7 comentários:

  1. Rosana, a quase sã12 de março de 2009 11:28

    Demorei, mas cheguei, moçadasss
    Volto adispois... rs
    beijosss

    ResponderExcluir
  2. Chega a se falta de caridade grosseria nessas horas,não?!

    Mas sabe que eu também nunca tinha pensado nos dons que uma secretária precisa?

    Gostei do seu momento 'ímpio', mainha, e queria muito ver a cara da fulana nessa hora!

    Dá umas aulinhas pro Seu Divino! rs

    ResponderExcluir
  3. Rosanita, têm algumas secretárias que se acham superiores às pessoas que estão ali pra serem atendidas.

    ResponderExcluir
  4. nossa, quer post mais legal Rosanita...
    e acho mesmo que tem que ter dom, pq elas lidam com pessoas em momentos delicados o tempo todo...
    uma saudade de vc...
    espero que esteja tudo bem com essa força ai, hein...

    *não tinha visto antes, mas o 'alma na garganta' está na lista dos Guaranás, fiquei mto contenteeee...

    bjos de bom dia...

    ResponderExcluir
  5. Rosana
    como consegue escrever tão gostoso de se ler mesmo falando de coisas ruins com as quais nos deparamos sempre?


    Beijos
    RS

    ResponderExcluir
  6. Ainda bem que não são todas as secretárias.rsrsrs
    Tem que ter muiiiiiiiiiita paciência,porque atender o publico é as vz mto dificil.

    ResponderExcluir

Sinta-se em casa. Sente-se conosco,tome um guaraná e comente o que você quiser e depois, aguente!!! hihihi