quarta-feira, 16 de abril de 2008

Ciranda.... Cirandinha!!!


Lembrança é algo muito subjetivo. Nem sempre elas aparecem, em um momento de lucidez. Às vezes, não passa de um borrão. Ou é tão claro como uma manhã de inverno.
Na verdade, se recordar é viver, como diz o poeta, vamos as minhas, mais preciosas memórias.
Tive uma infância um pouco diferente e ao mesmo tempo bem igual, a de todas as crianças, que nascem em cidadezinhas perdidas.
Recordo-me, de bem pequena ainda, ganhar minha primeira piscininha, que retratava o fundo do mar. Das inúmeras bonecas Barbie, de suas roupinhas, da vontade de aprender a costurar. Das brincadeiras em volta da figueira. Minha infância foi povoada por seres encantados.
Com meus 4 aninhos, nasceu Mi, minha irmã. Naquele momento, eu passei a ter responsabilidades. Claro que eu odiei aquilo tudo. Eles mentiam, falando que eu teria uma amiguinha para brincar. Portanto, tinha que me virar com aquela coisa pequeninha que diziam ser minha irmãzinha. Eu reconheço que 4 anos de diferença, para duas crianças, não é tão ruim assim. Mas, eu morria de ciúmes dela. Porque ela veio, pegou minhas roupas, meus brinquedos e o amor de todos aqui de casa. Ela conseguiu ficar com a minha mantinha da Cinderela. Vocês têm idéia de como é ruim perder a sua mantinha da Cinderela?
Lógico que eu precisava me vingar. Minha mãe, quando éramos bem pequenas, era muito presente em nossa formação. Isso durou pouco, reconheço. Mas enquanto ela ainda estava lá, nós abusávamos. Lembro dela exigir que minha irmã ficasse com a sandália brega. Minha mãe virava as costas, eu tirava as sandálias da Mi. Ela não falava mesmo. Eu podia fazer o que queria. Minha mãe voltava, via a Mi sem sandália, e ficava muito brava com ela. Isso virou meio lenda aqui em casa. Minha irmã me odiou um tempo por conta disso!
Cresci, mais um pouquinho, e aos poucos eu não era mais a magricelas, que era lavada pelo avô para a escola, que ficava praticamente duas ruas de casa. Eu já podia carregar minha própria mochila.
Lembro das lutas que eu e minha irmã inventávamos. Uma vez, minha mãe entrou na sala, achou que estávamos aos tapas, e saiu correndo atrás da gente, para nos colocar de castigo. Acreditem, por mais peste que eu fui. Eu nunca apanhei. Nem um tapinha, chinelada, beliscões, nada, eu saia ilesa. Era mês de janeiro, e chovia muito, e ela escorregou na área, que estava molhada, ela caiu, e teve problemas com uma vértebra da coluna, teve que ficar de cama. Ela ameaçava a gente. Mas eu acho que eu já contei essa história. Dizem que as pessoas repetem muito, é o meu caso. Talvez, por me lembrar tão pouco de tanta coisa, que deveria lembrar!
Um dos melhores momentos eram as competições de quem ficava mais tempo com o bambole (Não sei se é assim que escreve). Quando pegávamos as flanelas de tirar pó e falávamos que era pompom e ficávamos pulando na frente da tv.
Eu adorava assistir televisão. Castelo Rá-Tim-Bum, X- Tudo e toda a sorte de competições que estava em voga naquela época. Minha avozinha fazia um lanche, umas 7 horas da noite, mais ou menos, era pão francês com carne moída com molho, não tinha comida melhor. Meus pais faziam faculdade nessa época à noite e durante o dia trabalhavam, 10 horas. Não tivemos muito contato com eles nessa época. Mi e eu passamos a ser criadas, por uma senhora já de idade, sem paciência, e com mania de limpeza. Emocionalmente falando, era uma época de intolerância. Tenho pouca, ou até nenhuma recordação. Lembro dos copos de refrescos com pastelzinho de vento. Aprendemos muitos jogos com o baralho. As viagens de meus pais eram sempre mais intermináveis, quando eles voltavam, eu já era uma adolescente, e minha irmã, uma criança rebelde e sem nenhum juízo.
Quando fecho meus olhos eu ainda lembro do cheiro do café recém torrado e moído, do gosto da vaca amarela, na padaria da esquina. O leite da roça. A corrida para comprar um guaraná e beber escondido!
Minha infância foi uma delicia. Gostosa de se ver e de sentir!!
Gostaria que as crianças de hoje em dia, tivessem a oportunidade de sentir tudo que senti e viver com vontade de aprender sempre!


Essa semana, minha critica é direcionada a banalização do Concurso de Miss!
Tudo bem que elas falam engraçado, respondem coisas sem sentido. Batem palma estranho e o tchau é feio. Mas, tem que ter respeito por essas mulheres. Outro dia li, sobre um concurso para escolher a miss poodle japonesa. Ou escolher a miss peixe beta mais bonita.
E também quero deixar aqui registrado, a marmelada do Miss Brasil 2008. A gaúcha era a mais recauchutada de todas ali. Fez milhares de plástica e nem era a mais bonita. Até em concurso de miss temos o famosos jeitinho brasileiro!

Resposta do Quiz da semana passada:
O X- Quaresma da lanchonete do Batata, é composto por alface, tomate, maionese e dois ovos, também conhecidos como zoião.

Quiz:
Os gatos sempre caem de pé!E os cremecraques com requeijão sempre caem com o requeijão pra baixo. Então o que aconteceria se amarrássemos o cremecraque nas costas do gato com o requeijão pra cima e jogássemos ele pra cima?

Beijão
Boa Quarta-Feira
Paulinha

16 comentários:

  1. Genteeeeeeeeeeee!
    Vamos por partes;
    Detalhe das sandálias iguais, imaginem só se fosse gêmeas... rs
    - cidadezinha perdida... haha
    - mantinha de Cinderela.
    - tirar o calçado da irmã que não falava - isso é pura maldade.
    - adorava ver crianças com bambolê e fico imaginando a Paulinha parando a irmã, caso o bambalê da doida parasse primeiro. Aposto uma garrafa do meu café que ela fazia isso. (é,café torrado também me remete aos cheiros da minha infância).
    - pão com carne moída... nó, A-DO-RO.
    - E por fim, no que tava concentrada, imaginando as travessuras de Paulinha veio a crítica da semana ... hahaha "Batem palma estranho e o tchau é feio".
    - O quiz da semana... haha
    - Senti falta da manchete da semana e do momento sabedoria...
    haha
    Paulinhaaaa, cê é otEma.

    ResponderExcluir
  2. Genteeeeeeeeeeee!
    Vamos por partes;
    Detalhe das sandálias iguais, imaginem só se fosse gêmeas... rs
    - cidadezinha perdida... haha
    - mantinha de Cinderela.
    - tirar o calçado da irmã que não falava - isso é pura maldade.
    - adorava ver crianças com bambolê e fico imaginando a Paulinha parando a irmã, caso o bambalê da doida parasse primeiro. Aposto uma garrafa do meu café que ela fazia isso. (é,café torrado também me remete aos cheiros da minha infância).
    - pão com carne moída... nó, A-DO-RO.
    - E por fim, no que tava concentrada, imaginando as travessuras de Paulinha veio a crítica da semana ... hahaha "Batem palma estranho e o tchau é feio".
    - O quiz da semana... haha
    - Senti falta da manchete da semana e do momento sabedoria...
    haha
    Paulinhaaaa, cê é otEma.

    ResponderExcluir
  3. Putzzz, já comecei gaguejando.
    Paulinha, quer que eu coloque ciranda cirandinha pra você? a música?
    Tem com o Carequinha... a-do-ra-va.

    ResponderExcluir
  4. Eu adoro pão com carne moída e moho tb, mesmo nessa fase quase vegetariano... rs

    Sabe o que eu achei lido demais?
    Ela ama a infância mesmo com todas as coisas chatas que aconteceram. Será que a sra idosa com mania de limpeza é aquela que eu conheci, de onde ligamos pra casa da mainha, Paula???
    Porque, se for, que risco eu corri! haha

    Adorei a mantinha da cinderela e a história da sandalinha brega tb!

    Agora... e essa pose da fotinho???
    hahah
    ADORO!!!

    ResponderExcluir
  5. Prefiro não comentar sobre o Quiz da semana...
    rs

    ResponderExcluir
  6. Aposto que o Rafa errou o quiz da semana passada, aí apelou... ahhhh falta de esportiva, sô!!
    haha

    ResponderExcluir
  7. Rosana, a engraçadinha16 de abril de 2008 15:13

    Pensando aqui, o povo que gosta de escrever quis, quiser e pararáss com "zê" deve adorar escrever esse "quiz", né? hahaha

    ResponderExcluir
  8. Rosana, a engraçadinha16 de abril de 2008 15:13

    Pensando aqui, o povo que gosta de escrever quis, quiser e pararáss com "zê" deve adorar escrever esse "quiz", né? hahaha

    ResponderExcluir
  9. E gaguinha... putzzzz!!

    ResponderExcluir
  10. oi pessoas lindas!!
    Desculpe-me pelo sumiço, mas foi por uma boa causa!!!
    haahaahuahaha
    como assim?/ Rosanita vc foi reparar justo nas sandalias igual, tanta coisa para comentar, sobre o meu conjuntinho rosa, a bexiga roxa, a saia rodada da minha i rmã, ela pegou justo, no ponto que eu tento esconder
    hauhauahauahauahua
    adoro vc gaga
    e eu não trapaceava no bambolê, ela pe rdia pq eu smepre fui a melhor em todos os esportes!!
    Rafa, sim a vavó, é aquela mesmo!1
    vc viu que no domingo, ela estava lavando o quintal e varandinha??
    hahahahha
    choro de rir dela!!!
    ele odeia quiz Rosanita, pq sempre ele perde, e quem ganha é a senhora!!
    hjauahuahau e olha que o da semana passada, foi feito para ele acertar!!!
    quis com "z" da a mesma sonoridade que o fase com z???
    hauhauahauahaua
    beijo pessoas

    ResponderExcluir
  11. é logico que eu quero a música do palhaço carequina, acho ele super fashionista, com aquelas roupitas
    beijos pessoas

    ResponderExcluir
  12. deixa eu comentar o quiz da semana???
    deixa?
    ah, então tá!
    -Cê é doidinha de pedra, Pôleti!!!!!!!
    (bjo nas nádegas!! =p)

    ResponderExcluir
  13. Aiiiiii que delíciaaaa da Laquinha aqui,owwwww!
    Paulinha, troquei a "musca", viu?
    e o fase com "zê" tem outro som e outro cheiro... haha
    Ai, que cê não presta!!

    ResponderExcluir
  14. Gennteee vcs viram ti linda minha irmazoca? =) E eu do lado d sandalinha igual.. ^^
    Viu que maldade ela fazia cmg gente? =[
    Mas eu amo ela msm assim..
    =* Bju gente

    ResponderExcluir
  15. opa
    gentes
    voltei
    olha a minah irmã queimando meu filme!!!
    fico de cara com isso!!!
    Rosanita, que musca, linda, amei..
    hahahaha
    a voz dele é meio esganiçada ne
    Oi laca, que bom que vc veio, gostei :)
    volte mais vezes
    para comentar o quiz
    beijocas

    ResponderExcluir
  16. Quiz: eu acho que o gato iria flutuar!

    Paulinha, que cara de vou-aprontar-uma-agorinha!

    Beijos beijos.

    ResponderExcluir

Sinta-se em casa. Sente-se conosco,tome um guaraná e comente o que você quiser e depois, aguente!!! hihihi