quinta-feira, 3 de março de 2016

Os meus amores...

Tema: livro
Por: Rosana Tibúrcio

Sempre tive casos de amor com livros. Desde pequena.

Os infantojuvenis, que tinham na casa de meus pais, tornaram-se meus melhores amigos e foram responsáveis por suavizar minha vida de criança triste, vítima de bullying diário.

Os romances, que tinham no internato no meu tempo de adolescente, foram meus paquerinhas e me fizeram sonhar com príncipes encantados.

Os josésalencareseimilares, que me eram impostos no tempo de jovem, meio que viraram uma espécie de inimigo, às vezes sim; inimigo, às vezes não; te amo, mas também te odeio.

Os romances, dramas e suspenses, que eu passei a adquirir desde o meu tempo de jovem casada, tornaram-se meus amores, amigos e amantes e deles nunca mais me separei. Amo pra vida toda.

Os de colorir, ahhh, os livros de colorir, quero me casar com eles mesmo sabendo que há monte de gente me achando trouxa.
Quero me casar com eles porque me recuso a acreditar em um casamento prisão; porque sei que com eles posso ter todos os outros ao mesmo tempo, sem quebra de confiança; porque com os livros de colorir eu não finjo como não fingia naquele meu outro casamento.
E os livros de colorir também querem se casar comigo... estamos nos dando muito bem e juntos queremos aquilo de "até que a morte nos separe".


Uma linda quinta-feira para todos vocês meus amores, pois nas quintas há sempre algo diferente no ar e hoje há loucura boa, daquelas que só os livros me possibilitam viver


7 comentários:

  1. Eu não li, na adolescência, os livros nacionais famosos que precisava pra vestibular e tals, acredita? Só o Dom Casmurro... rs

    ResponderExcluir
  2. Relacionamento aberto com os livros de colorir!!!

    ResponderExcluir
  3. se casar com livros de colorir: INOVAÇÃO

    ResponderExcluir
  4. pois eu li só na adolescencia livros que queria mesmo.
    tadinha.

    ResponderExcluir

Sinta-se em casa. Sente-se conosco,tome um guaraná e comente o que você quiser e depois, aguente!!! hihihi